Resenha: Gratidão – Oliver Sacks

Durante as férias eu atualizei minha leitura e consegui ler alguns livros menores que estavam aqui na fila. Entre eles tive a grata surpresa com o livro Gratidão de Oliver Sacks.

Oliver Sacks foi um neurologista extremamente respeitado e multidisciplinar, falecido em 2015, autor de diversos livros e ensaios, e bastante conhecido pela autoria de Tempo de Despertar.

 

Gratidão, Oliver Sacks

gratidão

Agora eu leio no LEV <3

O livro Gratidão traz 4 contos nos quais Sacks conversa com o leitor sobre (sua) maturidade e a eminência da morte.

Ele, diagnosticado com câncer em estágio terminal, sabe que aos 80 anos não há muito mais a viver e mostra seus arrependimentos e aprendizados ao longo da vida.

gratidão

substantivo feminino
1.
qualidade de quem é grato.
2.
reconhecimento de uma pessoa por alguém que lhe prestou um benefício, um auxílio, um favor etc.; agradecimento.

oliver-sacks-gratidao

O livro me trouxe diversas reflexões, por exemplo quando nos descabelamos com algo que nos parece TÃO grande e depois de um tempo entendemos que era algo que podia passar sem deixar marcas.

Gratidão no dia-a-dia

A gente tende a amplificar, levar tudo a ferro e fogo e Sacks mostra, com sabedoria, que tem coisas que precisam ser relevadas, ditas ou compartilhadas no momento presente e que isso muda a vida, acalma angústias e nos dá a chance de viver mais leve.

Eu sou grata! Estou fazendo meu caderninho da gratidão – qualquer dia eu mostro para vocês. E tento viver isso no dia-a-dia mesmo, e não só nas frases das redes sociais.

A gratidão se torna natural a partir do momento que você entende seu papel no mundo e quem é você diante da imensidão do mundo… Quem já viu o vídeo do Cortella sobre isso sabe do que eu estou falando.

Quem tiver a chance de ler esse livro, não deve deixar passar…

Beijos
Lele

2 comentários em "Resenha: Gratidão – Oliver Sacks"

  1. Rafael disse:

    Eu tenho um ritual por aqui com meu filho, de toda noite contarmos 3 coisas que nos deixaram felizes no dia, é bem gostoso :-)

    Nunca li o Oliver Sacks, fiquei interessado. Lembrei de um do Drauzio Varela que se chama Por Um Fio, já ouviu falar? É maravilhoso, histórias com pacientes terminais, recomendo muito.

    Abs!

  2. Rafael disse:

    Que demais o livro, nunca li nada dele, embora tenha ouvido falar. Nessa vibe eu li o Por Um Fio, do Drauzio Varella, você conhece? É de histórias de pacientes em fases terminais, é muito lindo e sensível :)

    Abs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2008-2017 © Eu, ele e as crianças | Criação: Helena Sordili | Desenvolvimento: Carranca Design Carranca Design por Felipe Viana